Crescimento e DesenvolvimentoInfância

A imersão digital está intoxicando seu filho? Veja estas dicas e mude isso agora!

por Kelly Fotografia

Continuando a minha nova experiência no mundo digital, fui convidada para participar no blog da Kelly Schmidt e do Márcio Prestes.

No blog, a Kelly introduz o tema dizendo… “Um assunto delicado para alguns pais, para médicos, babás, escolas… Mas um assunto que precisamos conversar porque o mundo digital voa, né? E todas as informações que são lançadas nele, sejam elas boas ou ruins, também. “

E é sobre este assunto que vamos falar aqui neste post. Do quanto a essência mais pura e criativa da natureza tem competido com as horas ininterruptas das crianças no mundo digital sem um controle efetivo.

Vamos lá?

Fotos por Kelly Schmidt e Márcio Prestes

Muito tem se falado e mostrado sobre cuidados com as mídias e o adoecer de nossas crianças e adolescentes que ficam expostos durante muito tempo a situações digitais de baixa qualidade, informações que podem se tornar extremas e causar essa toxicidade digital que está por aí! Mas como fugir? Como ajustar? 

Então você deve pensar: o que fazer com as crianças e adolescentes? Bora lá relembrar situações da sua infância e transmitir para eles?

Precisamos tirá-los da imersão do mundo digital e brincar na areia, andar de bicicleta, subir em árvores, correr com amigos ao ar livre (ou encontrar amigos) são experiências importantes que permitem estabelecer conexões positivas com a vida e com o outro. 

Lembram dos jogos? 

Você pode deixar mais difícil doenças crônicas do adulto (como hipertensão arterial, diabete, colesterol elevado, obesidade) chegarem ao seu filho. Como? Não sabe?

Mostre que há muitos presentes que só se enxerga quando se sabe “olhar”. Momentos simples como assistir ao por do sol, ver beija-flores, subir em árvores, olhar as nuvens e suas formas, correr, ver a Lagoa no Laranjal. Leve seu filho para brincar ao ar livre!  Aproveita! Ele vai crescer muito rápido! Num piscar de olhos, ele terá obrigações cada vez mais “sérias” na escola, terá que abrir mão de muitos momentos com a família e também de fazer o que gosta para estudar, trabalhar… e em seguida, cuidar da família que ele vai construir. E aí virão os netos… e ele lembrará das sensações incríveis que vocês viveram juntos e certamente incentivará o filho a viver também! Pense nisso!

Fotos por Kelly Schmidt e Márcio Prestes

Quando minha filha era pequena a “glória do momento” era encontrarmos vagalumes. Nem sei se ainda existem! Se alguém ainda vê por aí por favor, conta pra gente! 😀 

Gostaram? Deixa uma mensagem falando sobre seus momentos com as crianças e o que elas mais gostam de fazer! Podem ser ideias para muitas famílias!

Fotos do Ensaio do João Pedro e da Maria Flor de 2019. A Kellyzita aqui fotografa essa família linda desde que eles estavam na barriga da mamãe, o nascimento e até os dias de hoje 😀 (e se Deus quiser, muitos anos pela frente!)

Ser pediatra é ser especializado em pessoas que estão vivendo a fase de crescimento e desenvolvimento e que precisa exercer também um papel de educador junto a família. Isso garante uma vida adulta melhor e acredito… um mundo melhor.

Gostou das fotos? Então acesse e conheça o trabalho da Kelly:
https://www.kellyfotografia.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *